Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

Esteja atento às várias iniciativas em perspectiva:

11/11/2017

Portugal à venda....


Panteão Nacional é actualmente também refeitório 

É a última coisa que devíamos perder....a chamada dignidade, mas vamos em bom caminho. É vistos gold para a entrada sabe lá de quem, são as prioridades todas para sr. turista, e estamos brevemente todos (e tudo) à venda. 

Sobre esta vergonha que nos devia fazer corar a todos....pode ler mais aqui

5 comentários:

Anónimo disse...

Pelos vistos estão à anos a jantar nesta sala do panteão e ninguém sabia, nem público em geral nem politicos etc. Toda agente se quer limpar agora. Será que sou a única pessoa neste país que se está a borrifar para estes jantares numa sala onde já foi explicado que não existem corpos?

Anónimo disse...

Vergonhoso e completamente descabido!

Com tantos espaços para eventos, o Panteão Nacional?

Interessa saber quem é que o permitiu e demitir a ou as pessoas em causa. Quem não sente o seu país e a sua gente não merece estar à frente desses cargos.

Só saber que há jantares, risadas, palhaçadas no Panteão Nacional é o suficiente para se perceber que estão a envergonhar os grandes de Portugal que ali se encontram.

Se o moço na Irlanda faz coisas na sua catedral é com ele e seu país. Em Portugal honram-se os grandes do passado, ou pelo menos, deveriam-se honrar. O mesmo com os outros jantares que também por lá houve.

Miguel

Anónimo disse...

O Panteão foi alugado por muitas mais entidades públicas portuguesas, só deita tudo fumo quando vêm estrangeiros disfrutar do espaço. E aquilo ali ao fundo não são túmlos, são cenotáfios.

Anónimo disse...


Estas lamentáveis ações também se integram há largos anos no crescente desrespeito pela humanidade, e pela humilhação dos seres humanos, e pela promoção de robôs com direitos,

e pela criação de novos seres superhum anos através da manipulação do ADN,em preparação por grupos rransnacionais, para o domínio da espécie humana,
à semelhança da eugenia dos nazis.

Anónimo disse...


E os DANOS nos edifícios, como no Convento de Cristo, este ano ?
E as condições de temperatura e humidade alteradas, quanto dinheiro custam, e o pessoal de supervisão com hoas extra claro, que se diminuem à receitas ?
Enfim, uma demagogia e um falso negócio para o nosso Património!!