...

...

29/03/2017

Está tudo louco?


A que propósito e para quem, querem (JF? CML?) podar em altura estas lindíssimas árvores junto à Casa da Moeda???

Mais uma bela de uma "reabilitação"


Defronte a um MN, ergueram uma coisa no meio do logradouro, que tapa as vistas e irrita um santo...

foto de Fernando Jorge

Obras em Benfica - Tv. Maestro Ivo Cruz - pedido de esclarecimentos


Exmo. Senhor
Vereador Manuel Salgado


C.c. PCML, AML e JF

No seguimento de movimentações de máquinas e operários no caminho pedonal localizado na Tv. Maestro Ivo Cruz/ R. Gen. Morais Sarmento, junto ao antigo Laboratório de Medicina Veterinária, em Benfica, e por as mesmas darem ideia de que se está a abrir um arruamento com estacionamento automóvel, num local onde se chegou a prometer a criação de um espaço ajardinado e de lazer, vimos solicitar a V. Exa. que nos esclareça sobre a obra em questão e se a mesma previu a auscultação da população, e se o abate de oliveiras ali ocorrido teve em conta a legislação existente (http://www.dgterritorio.pt/static/repository/2013-12/2013-12-02113927_54ab20bb-0b19-4b78-b3b7-038c54e07421$$39309043-A2D2-421E-9D32-5E39CB45EFA8$$721229EE-E1B3-49AA-B632-752D25DE6C63$$File$$pt$$1.pdf),

Melhores cumprimentos

Paulo Ferrero, Bernardo Ferreira de Carvalho e Vítor Vieira

27/03/2017

Alguma da reabilitação urbana "made in Lisboa":


E o vira das árvores continua, ora uma empresa ora outra, é o começ do fim das árvores de grande porte junto ao Maria Amália


As tílias da Sampaio e Pina ( avenidas novas) estão a ser violentamente podadas pela empresa parques e jardins . Na semana passada na rua do lado as árvores foram podadas por outra empresa ( sequoia verde) . Duas empresas e dois modos de actuar em tudo diferentes, desta vez não houve aviso prévio, estão a ser cortados ramos enormes sem nenhum cuidado. E a junta, em ambos os casos, não põe os pés no local. Experiências, é o que me parece que andam a fazer com as nossas árvores com muitas dezenas de anos de idade, poucas resistirão. (Via Rosa Casimiro, in Facebook)

26/03/2017

Parlamento aprova 6 de maio como Dia Nacional do Azulejo


Fotografias de Fernando Jorge


In Observador (24.3.2017)

«A Assembleia da República aprovou esta sexta-feira por unanimidade uma resolução do PS para consagrar a data de 6 de maio como Dia Nacional do Azulejo

A Assembleia da República aprovou esta sexta-feira por unanimidade uma resolução do PS para consagrar a data de 6 de maio como Dia Nacional do Azulejo, além de outras iniciativas de socialistas, bloquistas, democratas-cristãos e comunistas. Segundo o texto do PS, a data agora eleita será “um momento para afirmação e reconhecimento desta tradição e património nacional, projetando a sua importância, constituindo-se, igualmente, numa ocasião de evocação da sua proteção e preservação, que deve envolver os agentes públicos e privados”.

Todas as bancadas aprovaram igualmente um projeto de lei do PS e resoluções de BE, CDS-PP e PCP no sentido de proteger o património azulejar, com os socialistas a procederem à 13.ª alteração ao regime jurídico de urbanização e edificação.»

Linha azul do Metro de Lisboa com percursos alternados a partir de segunda-feira


In LUSA/Público (25.3.2017)

«Metropolitano pede aos passageiros que tenham atenção ao destino de cada comboio a partir de dia 27.

O serviço do Metropolitano de Lisboa tem sido alvo de críticas frequentes por parte dos utilizadores. [...]»

23/03/2017

Hoje, todos ao Adicense, às 21h:


Pois quem é de Alfama, ou não o sendo a ama como se o fosse (e a Lisboa tb, já agora), talvez seja boa ideia comparecer esta noite, e em força, na sessão de esclarecimento que a JF Santa Maria Maior organiza no Adicense (Rua da Adiça, https://www.facebook.com/pages/Grupo-Desportivo-Adicense-Alfama/445092785603849), às 21h.

22/03/2017

Quais vilas operárias, qual quê. Qual PDM qual quê. Viva a construção civil, que continua DDT!


A CML e a AML deviam ter vergonha em aprovar a urbanização que vai arrasar com todo o quarteirão da Vila Raul (às Amoreiras). O processo 489/EDI/2017 ainda está em apreciação mas dada a aprovação do PIP374/EDI/2015 e a aprovação da permuta pela AML (ver doc: http://bm-pesquisa.cm-lisboa.pt/…/…/app_bm.download_my_file…) vai tudo abaixo, mesmo o edifício de antanho, mesmo ao lado, e com logradouro vasto (https://www.google.pt/…/data=!3m6!1e1!3m4!1s_AAh5ouKwh5ZEFu…).

19/03/2017

Um Sábado à noite. Uma história aos quadradinhos.


Esta história passa-se nos chamados Ladeirões do Príncipe Real, as rampas que ligam a praça à rua Cecílio de Sousa. Este Sábado à noite, entre as 22h e as 23h:
As rampas cheias de carros, como é habitual à noite, principalmente aos fins de semana.

Eis que chega a Polícia Municipal. É muito raro aparecerem à noite.

Vão bloquear aqueles carros todos? Estão em contravenção, não podem estacionar na rampa.

Não.  Não vão multar todos, não vão bloquear todos os carros mal estacionados. Só este:
A vítima.

 
Algum tempo depois a dona do carro apareceu. Falou com os polícias, foi embora e voltou passados alguns minutos (terá ido levantar dinheiro para pagar a multa?).

 A carrinha da polícia vai-se embora. Tem dificuldade em entrar na rua porque há um carro a estorvar a passagem.

 A vítima tira o carro do sítio em que foi multada e vai-se embora.

 
Passados pouco minutos outro carro estaciona no mesmo local.

Pergunta: porque é que só este carro é que é visado pela Polícia Municipal? Será que por estar na continuidade dos pilaretes metálicos, é que só este é multado? Não estão todos os outros em contravenção? 
Estão. Há sinais de proibição de estacionar nas entradas da rampa. Já temos visto carros, durante o dia, a serem multados por estarem estacionados na rampa, em diversos sítios da rampa.